62894388 @elapensatambem: Abril 2018

recent posts

10 de abr. de 2018

E meu amigo Marley se foi.

Lembro dele ainda filhote, sempre demonstrou ser um animal muito especial.
A maioria dos gatos respondem a "xiuxiuxiu", mas o Marley não! Se ele quisesse ficar perto de alguém ele mesmo procuraria caso contrário ele simplesmente ignorava qualquer chamado mesmo se fosse a hora de comer.

Marley sempre foi um gato muito educado desde de pequeno era muito obediente e se ele fizesse algo errado bastava um grito que ele saia correndo e acreditem dificilmente voltava a se repetir. Quando ele sentia cheiro de alguma comida que interessava ele ficava perto parado esperando quietinho por um petisco e fazia uma cara super irritada quando percebia que ninguém ia dar nada para ele.

Conforme Marley foi envelhecendo passava a maior parte do tempo dormindo e não gostava de ser incomodado, as vezes eu ia perturbar o seu sono principalmente quando ele estava dormindo debaixo da cama, eu me deitava no chão próximo a ele e puxava de leve suas orelhas ou patinhas e quando ele já estava de saco cheio miava bem fino, como quem dissesse: " por favor me deixe em paz" e eu apenas ficava ali no chão dormindo com ele.

Ele tinha muitos lugares favoritos, o telhado do vizinho, em cima do móvel da sala, no guarda-roupa da minha mãe e é claro em cima da cama, principalmente se tivesse roupas limpas. Ele gostava de tomar banho de sol bem de manhãzinha e as vezes de tardinha, bastava me ver pelo quintal capinando ou cuidando das plantas que ele ia me fazer companhia era um gato muito dócil.


Existe apenas uma coisa que o Marley detestava de verdade e eram as visitas, se chegasse alguém em casa que não era do nosso convívio, ele simplesmente sumia! As vezes minhas irmãs e cunhado ficavam aqui em casa para dormir, Marley não dava o ar de sua graça  e quando a visita ia embora ele aparecia, geralmente morrendo de fome e a com uma cara muuuito feia!

Meu gato nunca me arranhou ou rosnou para mim, lembro que uma vez ele havia se cortado em um garrafa de vidro quebrada e eu tive que levá-lo pelas manhãs para tomar injeção. Em um manhã dessas já irritado com a situação ele me fez correr atrás dele em volta da casa, eu sabia que ele não queria fazer aquilo porém era necessário, então precisei dar um grito bem forte, ele parou sentou no chão e me esperou pegá-lo para colocá-lo na casinha.

Não foi fácil amigo carregá-lo em um saco preto congelado nessa mesma casinha, mas eu te enterrei em casa no quintal que você tanto gostava, sinto muito por não ter procurado ajuda em tempo hábil e sinto muito por não estar perto de você para nos despedirmos.
Essa semana passou e passou incompleta. Sinto como faltasse uma parte do meu dia e essa parte é você. #Marleymeugatão #forever