62894388 @elapensatambem: Setembro 2016

recent posts

27 de set de 2016

Dicas de Noiva: A saga do vestido - A venda!

Hello people!

É isso aí pessoal o meu vestido está a venda! Infelizmente tive que cancelar o meu casamento, é um momento difícil e complicado, sim, mas a vida segue o seu rumo...
Queria poder falar com vocês sobre várias dicas a respeito da escolha, uso e venda de um vestido de noiva, não poderei falar muito sobre o uso, lógico, mas falarei nesse post sobre a venda dele!
Let's go people!

Para vender algo é necessário saber onde vender, para quem vender e como divulgar!

1) Onde? -  Eu escolhi a plataforma Enjoei para vender o meu produto, por diversos motivos, por ter uma ótima visibilidade no mercado, por já possuir regras para a venda e entrega do produto e por ser um plataforma de confiança. Depois da venda falo para vocês como o processo mais detalhadamente..

2) Para quem? -  Ah essa resposta é bem simples, para noivas, mas não para qualquer noiva, tenho plena consciência de que o meu vestido não faz o gosto da maioria das pessoas, então o meu público de venda será mais seleto, porém sei que posso me surpreender com a pessoa que irá comprar o vestido.

3) Como divulgar? - Primeiro já informo que estou divulgando rsrsrs, o blog já é uma plataforma de divulgação para mim. As redes sociais também serão usadas nesse processo, principalmente as comunidades de noivas românticas, vintage e alternativas.

Antes de começar esse processo de venda é bom pesquisar referências, ver como outras pessoas fizeram, conhecer a experiência do outro é um boa dica, assim você terá uma compreensão das facilidades e dificuldades do processo e saber também o que dá certo e o que não dá certo.

Então se você está interessado em conhecer ou comprar o meu vestido segue o link no Enjoei:
Vestido de Noiva Ateliê Maria Figueira


24 de set de 2016

Segunda sem carne.

Hello people! Como vocês estão?

Fonte: http://atelienatureza.com.br/2016/08/07/segunda-sem-carne/

Hoje vim compartilhar com vocês uma ideia super legal que é a campanha da Segunda sem Carne, essa campanha é mundialmente conhecida e tem por objetivo conscientizar a população sobre a importância de realizar um consumo adequado dos produtos de origem animal.

Porque diminuir o consumo de carne?


No meu post Estilo de Vida Saudável. Como mudar?, eu falei um pouco sobre isso, não acredito que precisemos parar de consumir carne mas acredito que fazemos isso de forma inadequada e que esse desequilíbrio nos traz problemas sociais, ambientais e afeta também a nossa saúde no dia a dia como também a nossa herança genética, uma vez que várias doenças estão relacionadas com esse consumo inadequado.

A minha intenção nesse post é promover o bem estar, não pretendo virar vegana, vegetariana ou qualquer coisa do tipo, apenas busco uma alimentação mais adequada e consciente. Acredito que o ser humano deva sim consumir carne, porque se o consumo de carne não fosse algo necessário, então não haveria na natureza a classe de predadores, certo? Porém os predadores consomem aquilo que é necessário para a sua sobrevivência e a natureza vive em perfeito equilíbrio.

Dia 26 de setembro irei começar a minha campanha pessoal e estarei postando no Instagram (@elapensatambem) o que estarei consumindo durante o dia, então me acompanhe lá e se liga na hashtag da campanha #segundasemcarne.

Se você quiser saber mais sobre a campanha, clique aqui: Segunda sem carne, lá tem receitinhas deliciosas e também há vários informativos sobre instituições, famosos e empresas parceiras desse projeto, aqui no Brasil a campanha é coordenada pela Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB).

E aí aceita o desafio? 

22 de set de 2016

Leve a vida


Leve a vida com um sorriso, leve a vida com uma flor.

Leve a vida se doer, leve a vida como puder.

Leve a vida e um sonho, leve a vida e um canto.

Leve a vida sem esperar, leve a vida sem chorar.

Leve a vida e uma canção, leve a vida com o coração.

Leve a vida de horror, leve a vida de amor.

Leve a vida simplesmente, leve a vida calmamente.

Leve a vida leve, leve a vida breve.

17 de set de 2016

Cabelo Natural: Como estou progredindo - Parte II.

Hello people!

Hoje compartilho com vocês os produtos naturais que tenho usado no meu cabelo.



O meu cronograma capilar mudou e muito, melhor dizendo o que eu fazia antes nem merece ser descrito como cronograma rsrsrs.

Hoje faço duas hidratações por semana, uma na quarta e outra no fim de semana. Na quarta-feira faço hidratação simples, no sábado faço a hidratação mais nutrição ou reconstrução dependo da necessidade do meu cabelo. Vou relacionar aqui para vocês alguns itens que sempre estão presentes no tratamento das minhas madeixas.

Óleos vegetais: Eu atualmente uso quatro tipos de óleos vegetais o óleo de amêndoa doce, óleo de coco, óleo de rícino e também o azeite de oliva extra virgem. O azeite e o óleo de amêndoas sempre os uso misturados na minha máscara de tratamento, já o óleo de coco o utilizo para fazer a umectação, eles fazem parte da etapa nutrição. O óleo de rícino uso especificamente para massagear meu couro cabeludo, principalmente na áreas onde mais tenho queda de cabelo e está dando super certo. 

Babosa: Eu com certeza sou privilegiada por que possuo essa plantinha maravilhosa no meu quintal, uhu! Essa planta maravilhosa possui propriedades hidratantes e também ajuda a fortalecer o fios, faço hidratação com ela de 20 em 20 dias. Saiba mais

Vinagre de maçã: É isso mesmo que você leu, vinagre, porém de maçã. Sabe quando seu cabelo esta poroso, seco e meio elástico, acredite uma hidratação com vinagre de maçã resolve. O vinagre possui vários benefícios para os cabelos, ele fecha as cutículas do cabelo, devido ao seu ph baixo, e também possui propriedades anti-inflamatórias e antifúngicas. Saiba mais

Mel: Além consumi-lo com frutas e em colheradas rsrsrs, também o uso nas minhas madeixas quando estou fazendo reconstrução junto com a maionese. Gosto de usá-lo também na minha mistura para aplicação de henna, uso o mel com a henna para puxar os tom acobreado.

Maionese: Também a uso na minha mascara reconstrutora e uso junto com o mel e a clara de ovo. A gordura da maionese é super hidratante. Algo bem legal que percebi é que textura da maionese ajuda muito na definição dos meus cachinhos, super indico.

Clara de Ovo: Usei uma única vez, pois estava sentindo meu cabelo muito fraco, a clara de ovo ajuda na reposição de proteínas aos fios de cabelos e o resultado foi excelente, aconselho a usar sempre que você sentir o seu cabelo fino demais e sem força.

15 de set de 2016

Fotografia para Cosplay.

Hello people!!

Quem nunca teve um personagem de desenho preferido? Quem, quem, quem? Vai me dizer que você nunca quis usar aquele cabelo colorido ou aquele vestido lindo de princesa? A confessa vai, diz que sim!


Hoje compartilho com vocês o fantástico mundo do Cosplay pelas lentes maravilhosa de Pâmela Photo Produções. Eu conheço o trabalho da Pâmela de longa data, festa de casamento, Making Off, 15 anos, Aniversário, Gestantes em fim com uma boa fotógrafa ela cobre qualquer tipo de evento.
Pois bem, nossa querida fotógrafa sempre gostou de artes e visitava os eventos de Cosplay aqui pelo Rio de Janeiro e decidiu transformar esse hobby em algo mais profissional e compartilhar os seus olhares com a gente. Ah fala sério poder trabalhar com uma coisa que gosta é muito bom, não é não?



Se vocês assim como eu amou o trabalho da Pâmela direcionado para esse mundo do Cosplay, pode segui-la nesse blog Pamela Photo Cosplay.

Se você quer conhecer mais um pouco do trabalho dela esta é a Fanpage dela.

Ah então, essa linda também fotografou um ensaio que realizei no início desse ano, tenho postado algumas fotos no Instagram então  me sigam lá: @elapensatambem.

Bjos, até o próximo post!

3 de set de 2016

Estilo de Vida Saudável. Como mudar?

Hello people,



Eu sempre estou falando por aqui sobre mudança de hábitos e a busca de um estilo de vida mais saudável, desde que minha avó teve câncer eu venho mudando gradativamente as minhas escolhas rotineiras. A primeira mudança que falei por aqui foi sobre assumir o meu cabelo natural, deixar de usar químicas agressivas nele.

Primeiro quero informar que não posso abolir a química da minha vida, até porque a química também é um processo natural, mas vou tentar ao máximo diminuir o consumo de coisas sintéticas, artificiais e industrializadas, eu creio que não devo ser extremista nessa questão, penso que a questão toda não é a existência ou não desses produtos e sim o nosso comportamento inadequado enquanto consumidores.

Como ter o Estilo de Vida mais Saudável?

O primeiro passo que devemos tomar é o questionamento. Precisamos avaliar tudo o que fazemos como fazemos e por que fazemos, e precisamos nos questionar a cerca de tudo mesmo, desde a prática de exercícios até o tipo de papel higiênico usado, tudo mesmo! Sei que na sua mente virá uma enxurrada de informações e que isso pode lhe deixar confuso, mas pretendo aqui deixa essas informações mais claras e fáceis.

Após esse brain storm, comece a pensar naquilo que é fácil e viável mudar. Vou listar aqui algumas coisas que foram fáceis para eu mudar:

1- Dar preferência a outras bebidas ao invés do refrigerante e as bebidas industrializadas. Passei então a beber mais sucos naturais, café, chá, água e leite.
Isso quer dizer que não bebo mais refrigerante? Claro que não, eu bebo sim, porém só em eventos tipo: festas, almoço na casa de um amigo, confraternizações entre outras coisas.
Até por que não podemos ser mal educados na casa das pessoas, certo?

2- Buscar ter mais contato com a natureza: Isso faz muita diferença, gosto de mexer com a terra, ouvir o canto dos pássaros e respirar ar puro. Isso é muito bom!

Sei que para quem vive em lugares urbanos isso seja complicado, mas lembre-se a proposta aqui é começar a mudança aos poucos, é fazer aquilo que nesse primeiro momento está alcance das mãos. A questão não é morar em um lugar que tenha mais contato com a natureza e sim buscar um tempo para ir aos locais em que se tenha esse contato, o simples fato de você visitar um local mais arborizado ou começar a ter uma plantinha, já ajuda.
3- Fazer exercícios: Eu busquei várias formas de praticar exercícios e acredite ir a academia não foi a minha primeira escolha. Comecei a fazer trilhas, ir a lugares próprios para caminhar e correr e por fim eu descobri a Zumba, aí sim frequentei uma academia, mas não para musculação, redução de peso e etc...

4- A alimentação: Você não precisa virar um vegetariano ou vegano, mas saiba que frutas, verduras, legumes e sementes nos trazem muitos benefícios. Aumentar o consumo desses alimentos com certeza melhorará a sua saúde, e lógico, a tendência é diminuir os produtos industrializados cheios de corantes e outros componentes nocivos.

 5 - Comece a fazer a sua horta: Se possível, comece a ter os seus próprios temperos. Isso irá te ajudar a ter contato com a natureza e também dará mais sabor a sua comida e é muito terapêutico rsrsrsrs.

Espero que vocês tenham gostado do post.

Até a próxima.

Poderá gosta também:
O importante é passear!