62894388 @elapensatambem: Junho 2015

recent posts

24 de jun de 2015

Economizando na conta de luz com papel - alumínio

Todos nós sabemos que a conta de luz tem vindo uma absurdo, e não adianta fazer pirraça, porque a conta vai vir cara mesmo e vai demora até que isso mude ou talvez nem mude, sabe lá o que irá acontecer com a economia do nosso país.

Pois bem meus amigos consumidores, hoje vim aqui apresentar a vocês uma super dica para economizar.

Um dia desses conversando com uma colega no trabalho, ela me mostrou uma matéria sobre utilidades do papel alumínio que vão além da cozinha, logo, resolvi testar a dica.

Você vai precisar apenas de papel-alumínio, o suficiente para cobrir a sua tábua de passar roupa. Cubra a sua tábua de passa roupa com a parte mais brilhosa virada para cima.


Em seguida forre a tábua com pano bem fino.



Eu resolvi fazer o teste com duas roupas, o primeiro teste fiz com uma roupa de pano mais fino e o outro teste com a calça jeans.



Passei apenas metade da blusa e uma "perna" da calça jeans, um lado passei usando o papel alumínio forrando a tábua o outro sem.

Realmente a dica funciona, isso porque o calor refletido pelo papel vai alisar o lado oposto ao que está sendo passado. Vejam as fotos:





























Na calça jeans dá para ver o amarrotado bem marcado.




A economia talvez não seja muito para quem não passe muita roupa, mas é uma dica tão simples e também devemos considerar o fato que o tempo que se leva para passar uma roupa vai reduzir pela metade.

Vou deixar abaixo a fonte da matéria e também um vídeo que informa quanto que o ferro de passar roupa gasta por mês. Até a próxima dica.

Fonte: Casa e Jardim

22 de jun de 2015

Como descacar abóbora sem esforço.

Eu não sei vocês, mas toda vez que ia descascar uma abóbora era um sofrimento só, a casca da abóbora é dura já cortei o meu dedo nesse processo. Mas não tem jeito né pessoal, todo mundo faz ensopado de abóbora com carne seca e passa pelo mesmo processo, logo se todos consegue por que eu não conseguiria?

Eu "criei" o meu jeitinho próprio sabe, partia abóbora em pedaços menores e depois descascava, mas mesmo assim era um sofrimento, partir a abóbora também era meio "difícil", com certeza não era uma solução ideal, mas o ensopado saia tá! Tinha partes humanas dentro dele mas tudo bem, eu literalmente dava o sangue para fazer o ensopado kkkkkkkk.

Em minhas leituras e pesquisas na internet descobri um site de culinária que super compartilho, é o tipo de site que literalmente abre o seu apetite, tipo te levanta do sofá para ir cozinhar, vocês vão entender do que estou falando quando visitarem o site.
Em uma receita de creme de abóbora com gengibre, eles simplesmente cozinharam abóbora com casca e tudo e depois de cozida descascaram, simples não?

E para que quiser conhecer o site e a receita: http://www.montaencanta.com.br/sopas-e-caldos/sopa-creme-de-abobora-com-gengibre/


15 de jun de 2015

Meu passeio à Fortaleza de São João - Urca.

Que tal um pouco de cultura e história do Brasil? Hoje a minha dica é um passeio cultural.
A Fortaleza de São João localiza-se no bairro da Urca, na cidade do Rio de Janeiro, ela fica bem próximo a Pão-de-açúcar que é um famoso ponto turístico.
A fortaleza atualmente é mantida pelo Exército Brasileiro, lá funciona o Centro de Capacitação Física do Exército, o local possui visitação aberta ao público, lembrando que deve-se marcar a visita antes, no final do post vou deixar o link para contato.


Falar sobre essa a fortaleza é falar sobre a história do Brasil. 
Em 1710, com o apoio da Fortaleza de Santa Cruz (que se localiza do outro lado da Baía de Guanabara) foi repelido o ataque da esquadra do corsário francês, Jean-François Duclerc.
Para saber mais acesse: Fortaleza de São João- Wikipédia

Foi possível visitar o Museu de Futebol do Exército rsrsrsrs


Visitei o local que é o marco dos primeiros fundamentos da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro.


Após isso o grupo no qual estava fez um pequena caminhada até a fortaleza, passamos pela Bateria de Maques Pôrto, lá é possível visualizar vários canhões e outros artefatos de guerra gigantes!


Fomos então a fortaleza.


A primeira coisa que eu lembrei assim que entrei na fortaleza, foi as diversas novelas e filmes de época que já assisti. Cenário incrível não?



Entrando na fortaleza ao lado esquerdo é possível ver os cômodos usados para os disparos de canhões. A parte térrea é toda assim,  uma galeria de canhões.



Subindo as escadas no fim da galeria, encontramos uma vista maravilhosa do Pão de açúcar e da Baía de Guanabara.



Na parte superior da fortaleza há também O Museu Histórico da Fortaleza de São João, onde é possível conhecer mais da história da fortaleza como também conhecer outros artefatos históricos e culturais.


É claro que só indo lá para poder apreciar tudo o que essa fortaleza tem para mostrar e contar, super recomendo. Até o próximo passeio.

Local: CCFEx/FSJ - Av João Luiz Alves, sn - Urca - Rio de Janeiro \RJ



5 de jun de 2015

Meu passeio à Ilha de Paquetá

Ah a Ilha de Paquetá, a moreninha do Rio, bairro que serviu de inspiração para um famoso romance do autor Joaquim Manuel de Macedo, esse romance aconteceu nos meados de 1844, porém a Ilha de Paquetá inspira vários romances até hoje. Posso falar aqui do meu pai e minha mãe, em uma das conversas que tive com a minha mãe ela me disse que um dos primeiros passeios que ela fez com o meu pai, foi para a Ilha de Paquetá e adivinhem só, o primeiro passeio que fiz com o meu noivo também foi para lá.



A Ilha de Paquetá além de ser um cenário para o pombinhos apaixonados, serve também para um excelente passeio familiar ou entre amigos. São diversas atividades que podem ser praticadas na ilha, vou falar daquilo que já fiz por lá nas minhas visitas rsrsrsrs.

É sempre bom ter um mapa da ilha, e é claro deixe o mapa na mão de alguém tenha senso de direção porque se não você irá se perder, principalmente se você resolver cortar a ilha pelas ruas ao invés rodeá-la pela orla. Eu desbravei a ilha de duas formas a pé e de bicicleta, as duas formas são bem legais, andar pela ilha e descobrindo cada lugar, cada cantinho é muito legal, então se você quer conhecer boa parte da ilha vá cedo, pegue a barca de sete horas na Praça XV/RJ.
A pé é mais cansativo pois a Ilha é grande, mas não deixa de ter seus benefícios. De bicicleta é na minha opinião é melhor, dá para conhecer mais lugares, você pode alugá-las lá mesmo, eu o meu amor alugamos e com o mapa nas mãos, fomos conhecer a ilha.

No dia em que fui com Daniel o  Parque Darke de Mattos estava fechado, quando retornei em um passeio com a igreja pude conhecer o parque. O Parque é um lugar muito agradável com trilhas e mirantes, especificamente o mirante do Morro da Cruz  e do Morro do Vigário e é claro como tudo na ilha esses mirantes também contam parte da história do nosso Brasil, lá você verá artefatos que são dos séculos 18 e 19.


O parque é arborizado, se escuta o som de pássaros a todo momento em alguns lugares você consegue ver paredes de argila, algumas ruínas, é também o túnel que apelidamos de túnel do tempo.


Outro ponto da minha visita foi a Praia da Moreninha e obviamente a pedra da moreninha que se encontra lá, subindo a pedra você encontrará mais uma vista privilegiada da ilha.
A ilha possui muitos cais e praças o que é deslumbrante por em cada cais há um cantinho, cada um desses cantinhos tem uma história para contar dá vontade de ficar ali apreciando a paisagem, os pássaros, o vento aiaiaia suspiros.


Um barquinho a deslizar no macio azul do mar, tudo é verão, amor se faz num barquinho pelo mar que desliza sem parar....



Você verá também muitos monumentos na Ilha, canhões, coretos, estátuas, a arquiteturas das casas tudo lá respira arte. Tive a oportunidade de comer em dois restaurantes no local e pelo que pude perceber a arte é uma cultura muito disseminada por lá, em todos restaurantes que passei tinha um tela de arte com alguma paisagem da Ilha. Aí você fica se perguntando onde será que foi pintada essa tela?


E para fechar o passeio com chave de ouro, o pôr do sol, a melhor forma de curtir o pôr do sol na minha opinião é de pedalinho, fim de tarde eu e o meu amor olhando o pôr do sol no pedalinho, ah que romântico rsrsrsrs.  A foto seguinte foi tirada do pedalinho mostrando a orla, lá no fundo dá para ver os pedalinhos estacionados rsrsrs.


Eu e Daniel decidimos voltar a noite, queríamos ver a ponte Rio - Niterói e a Ilha Fiscal iluminados, mais suspiros rsrsrsrs. Infelizmente não tenho fotos notunas :(

Poderia ficar aqui escrevendo e escrevendo sobre a Ilha de Paquetá, pra entender melhor só indo visitar o lugar, pois mesmo indo lá três vezes eu ainda não conheci tudo, mas também tenho que confessar que prefiro que seja assim, aliás sempre deixo alguma coisa encoberta para poder retornar e descobrir. kkkk


Local: Ilha de Paquetá - Rio de Janeiro.
Como cheguei: De barca na Praça Quinze de Novembro, s/n° - Centro - R.J
Horário da Barca: Fui ás 08:30 e saí de lá ás 19:00.

1 de jun de 2015

Dicas para comprar on-line.

É curioso que sendo eu uma profissional de informática ainda não tenha escrito nada sobre o assunto aqui, sabe como é, penso que deve ser pelo fato de ter feito o blog para espairecer e informática para mim é trabalho, mas vamos lá.



Eu tenho que confessar que não sou fanática por compras on-line, gosto de bater perna sabe, ir às lojas, ver a vitrine entre outras coisas. Vou listar aqui alguns motivos pelo qual faço compras on-line:

1- Facilidade de achar determinado produto. Não é sempre que consigo achar o que desejo nas lojas, lembro que queria comprar uma saia longa e rodei, rodei e rodei e não achava nada do meu agrado, então comprei pela internet.

2- O preço. Eu encaro as compras on-line como uma "loja" em que posso pesquisar preço também, tipo, além das pesquisas de rua eu também faço a comparação do produto na internet, e é claro, onde estiver mais barato, eu compro! Outra coisa que também é super legal fazer, é usar alguns sites de pesquisas de preço como o bondfaro ou o boadica. O bondfaro você pode pesquisar sobre quase tudo e o boadica é mais para pesquisas de lojas que vendem produtos de informática e afins.

3- Só compro em sites confiáveis, em geral aqueles que possuem propaganda na TV rsrsrs, ou de empresas que além das lojas físicas trabalham também com o e-commerce, que é a loja virtual em si. Outra coisa que faço é utilizar o site reclame aqui, lá eu vejo as reclamações das pessoas, se reclamam muito do produto, da demora na entrega, atendimento entre outras coisas.

4- Saber a opinião de outras pessoas sobre o produto. Dependendo do produto que eu vá comprar, mesmo não sendo on-line, faço uma pesquisa sobre a experiência de outras pessoas com o produto, mas como seria isso? Você já deve ter ouvido sobre fazer a resenha de um livro, certo? Pois a resenha de um produto nada mais é do que a opinião de uma pessoa que já o usou. Esse tipo de informação é muito útil para quem quer comprar uma maquiagem, um creme de pentear, eletrodomésticos ou até mesmo para ter uma boa dica de restaurante, viagem e serviços.

5- Compras coletivas e Programa de pontos. Algo que estou começando a fazer uso, são os sites de compras coletivas e os sites que possuem programas de pontos. Dependendo do serviço que você for utilizar, como por exemplo algum procedimento estético, teatro, circo e viagens é sempre bom dá uma olhada nesses portais de compra coletiva, garanto que você irá encontrar ofertas valiosas. Sites que possuem programas de pontos é uma ótima dica para quem quer economizar, eu participo de apenas um, porém não fico preso as ofertas desse site, sempre busco a opção mais barata e mais confiável.